RH em startups: a importância e como estruturar

Tempo de leitura: 4 min

Escrito por admin
em julho 30, 2022

JUNTE-SE Á NOSSA LISTA DE SUBSCRITORES

Entre para nossa lista e receba conteúdos exclusivos e com prioridade

100% livre de spam.

Compartilhe agora mesmo:

Quando se fala de startups, é bom ter em mente que iniciar uma não será uma tarefa fácil, ainda mais quando se fala de estruturas e de segmentos como o RH, por exemplo. 

Com isso, é possível ver que muitas startups nem sequer tem essa área em sua empresa, o que não deveria ser feito. Por isso, é relevante entender como ter uma boa estrutura.

Primeiramente, é preciso entender o significado de startup, que nada mais é do que pequenas ou médias empresas que nascem com a ideia de ser um diferencial com custos menores, porém com grandes chances de se tornar algo grande.

É muito comum não ter a presença dos recursos humanos nesse tipo de empreendedorismo, mas apenas em empresas e corporações maiores. 

Então, muita gente que inicia uma startup acaba não sabendo como integrar uma coisa à outra, de forma semelhante ao uso de um crm online free, por exemplo.

Dessa maneira, é relevante entender qual a importância do RH em uma startup e como você deve utilizá-la de maneira eficiente. 

Para que dessa forma sua pequena empresa não perca a essência, mas também não deixe de contar com essa área que é tão importante. 

Outra área que é importante é o relacionamento com o cliente. Por esse motivo, utilize um crm software.

Qual a importância do RH?

Muita gente sabe o que significa a sigla RH (recursos humanos), mas não sabe realmente qual sua funcionalidade e qual sua importância para qualquer negócio. 

Por isso, é relevante conhecer um pouco mais sobre essa sigla e entender a razão dela ser utilizada em grandes corporações, do mesmo jeito que um sistema crm.

Uma das principais funções dos recursos humanos é a contratação de novos funcionários qualificados. 

Em suma, quando uma pessoa se aplica para uma vaga, quem irá realizar o processo seletivo e todos os procedimentos internos serão as pessoas da área de recursos humanos.

Porém, suas funcionalidades não se retêm somente a isso, mas também em diversos outros segmentos, como o controle e o mapeamento de performance e o desenvolvimento de um funcionário. 

Os recursos humanos controlam e avaliam periodicamente como uma pessoa está se portando no ambiente de trabalho, indicando em qual parte ela deve melhorar.

Outra coisa que o RH é responsável, é quando são realizados treinamentos em uma equipe, seja lá qual for a finalidade deste treinamento. 

Normalmente, esse tipo de atividade costuma ser realizada quando alguma estratégia nova foi implementada na sua empresa, como o uso de um crm gratis, por exemplo.

Pode-se pensar, portanto, que a área de recursos humanos são as responsáveis por fazer com que qualquer transformação dentro da empresa seja realizada com sucesso e sem problemas maiores. 

Além de tudo isso, o RH ainda tem alguns benefícios para a empresa, como:

  • Maior organização;
  • Maior desenvolvimento por parte dos funcionários;
  • Maior praticidade e participação;
  • Contratar funcionários bem capacitados.

Dessa maneira, se você tem uma startup, mas ainda não sabe como integrar a área de RH com os outros segmentos, é importante se atentar a algumas dicas, que irão facilitar na hora de fazer essa junção das áreas, já que ambos são fundamentais para o bom envolvimento de uma empresa.

Como implementar o RH em sua startup

Agora que ficou mais fácil de entender a importância do RH em qualquer empresa, é relevante também conhecer qual a melhor forma de se implementar esse segmento em sua startup. 

Existem outras ferramentas que são pertinentes para a empresa, como é o caso do crm. Por isso, procure por crm preços.

O primeiro passo para iniciar o setor de RH, é contratar um profissional que já tenha experiência e uma graduação nessa área. 

Pois será ele quem irá fazer toda a movimentação e a documentação, além de também ser o responsável por guiar os outros funcionários.

Após isso, você deve avisar todos os seus outros funcionários o que você quer fazer na sua startup. 

Por ser um lugar que normalmente conta com menos funcionários, disseminar essa cultura pela empresa será uma tarefa relativamente fácil, porém, esse passo nunca deve ser dispensado.

Junto com a disseminação da implementação de RH, existe um outro passo, que seria contar para o funcionário especializado nessa área como funciona sua empresa, e como ela deve ser dirigida.

Portanto, deve ser realizado um planejamento prévio, sobre como você quer que o RH possa agir em sua empresa, quais são as suas prioridades e a quem os planos deles serão direcionados.

Dessa maneira, é fácil de evitar problemas e possíveis frustrações.

Por fim, por se tratar de uma startup, você deve levar em conta todo o fluxo de caixa. Então, com isso, deve definir os salários, assim como os cargos que estarão presentes nessa área.

Conteúdo originalmente desenvolvido pela equipe do blog Markplan, site voltado 

para a veiculação de conteúdos relevantes sobre estratégias de negócios, pensados para abranger informações e novidades relacionadas aos maiores segmentos empresariais.

Compartilhe agora mesmo:

Você vai gostar também:

Para enviar seu comentário, preencha os campos abaixo:

Deixe um comentário


*


*


Seja o primeiro a comentar!

JUNTE-SE Á NOSSA LISTA DE SUBSCRITORES

Entre para nossa lista e receba conteúdos exclusivos e com prioridade

100% livre de spam.

Damos valor à sua privacidade

Nós e os nossos parceiros armazenamos ou acedemos a informações dos dispositivos, tais como cookies, e processamos dados pessoais, tais como identificadores exclusivos e informações padrão enviadas pelos dispositivos, para as finalidades descritas abaixo. Poderá clicar para consentir o processamento por nossa parte e pela parte dos nossos parceiros para tais finalidades. Em alternativa, poderá clicar para recusar o consentimento, ou aceder a informações mais pormenorizadas e alterar as suas preferências antes de dar consentimento. As suas preferências serão aplicadas apenas a este website.

Cookies estritamente necessários

Estes cookies são necessários para que o website funcione e não podem ser desligados nos nossos sistemas. Normalmente, eles só são configurados em resposta a ações levadas a cabo por si e que correspondem a uma solicitação de serviços, tais como definir as suas preferências de privacidade, iniciar sessão ou preencher formulários. Pode configurar o seu navegador para bloquear ou alertá-lo(a) sobre esses cookies, mas algumas partes do website não funcionarão. Estes cookies não armazenam qualquer informação pessoal identificável.

Cookies de desempenho

Estes cookies permitem-nos contar visitas e fontes de tráfego, para que possamos medir e melhorar o desempenho do nosso website. Eles ajudam-nos a saber quais são as páginas mais e menos populares e a ver como os visitantes se movimentam pelo website. Todas as informações recolhidas por estes cookies são agregadas e, por conseguinte, anónimas. Se não permitir estes cookies, não saberemos quando visitou o nosso site.

Cookies de funcionalidade

Estes cookies permitem que o site forneça uma funcionalidade e personalização melhoradas. Podem ser estabelecidos por nós ou por fornecedores externos cujos serviços adicionámos às nossas páginas. Se não permitir estes cookies algumas destas funcionalidades, ou mesmo todas, podem não atuar corretamente.

Cookies de publicidade

Estes cookies podem ser estabelecidos através do nosso site pelos nossos parceiros de publicidade. Podem ser usados por essas empresas para construir um perfil sobre os seus interesses e mostrar-lhe anúncios relevantes em outros websites. Eles não armazenam diretamente informações pessoais, mas são baseados na identificação exclusiva do seu navegador e dispositivo de internet. Se não permitir estes cookies, terá menos publicidade direcionada.

Visite as nossas páginas de Políticas de privacidade e Termos e condições.